Cate Blanchett vai protagonizar e produzir minissérie sobre imigração

Aos poucos, as produções australianas têm vindo a ganhar destaque na programação internacional, muito graças a um leque cada vez maior de produtores e artistas que migraram para Hollywood de forma a mostrarem o seu talento e que agora regressam a casa. É o caso de Cate Blanchett que, segundo a Variety, vai protagonizar e produzir Stateless, uma minissérie australiana de seis episódios focada no tema da imigração.

Cocriada pela atriz, Tony Ayres e Elise McCredie, a narrativa concentra-se em quatro estranhos – uma hospedeira de bordo, um refugiado afegão que foge das regras retrogradas do seu país, um pai australiano e um burocrata envolvido num escândalo internacional – que estão presos num centro de detenção no meio do deserto australiano. Cada personagem lida à sua maneira com as contradições do sistema de controlo de fronteiras, surgindo no processo ideias relevantes sobre os problemas que os países enfrentam ao lidar com a imigração e assuntos adjacentes.

Do elenco fazem também parte Dominic West, Yvonne Strahovski, Jai Courtney, Asher Keddie, Fayssal Bazzi, Rachel House, Kate Box, Clarence Ryan, Claude Jabbour, Rose Riley e Helana Sawires.

O guião foi escrito por Elise McCredie e Belinda Chayko e a realização fica a cargo de Emma Freeman e Jocelyn Moorhouse.

“Apesar de esta história se centrar na Austrália, os dilemas que explora através de quatro personagens absorventes vão ressoar a nível global: o desejo por liberdade pessoal, a necessidade de estabilidade social, uma progressiva falta de fé no processo político e o impacto desconcertante que isso tem nas vidas individuais”, referiu Blanchett.

A atriz poderá ser vista brevemente em Where’d You Go, Bernadett, o próximo filme do realizador Richard Linklater.

A produção de Stateless inicia-se no próximo mês.

Partilhar