Jake Gyllenhaal

Jake Gyllenhaal vai interpretar o compositor Leonard Bernstein

Faz vários meses que o cineasta Cary Fukunaga, mais conhecido pelo seu trabalho na primeira temporada de True Detective, está a desenvolver um filme biográfico sobre Leonard Bernstein. O famoso compositor, pianista e maestro, responsável pela música de ‘West Side Story’, foi uma personalidade controversa, muito devido às suas opiniões políticas e pessoais. Por exemplo, foi um dos críticos mais ativos em relação à guerra do Vietname. Para tal, Fukunaga acaba de recrutar o ator que pretendia para interpretar Bernstein: Jake Gyllenhaal.

A cinebiografia vai abordar a subida do compositor ao estrelato, assim como a sua vida pessoal. Apesar de se ter casado com a atriz de origem chilena Felicia Cohn Montealegre, o músico era homossexual. Segundo o seu colaborador em ‘West Side Story’, Arthur Laurents, Bernstein «era um homem gay que se casou. Ela não tinha qualquer conflito. Ele apenas era gay».

«Tal como tantos outros, Leonard Bernstein trilhou um caminho para a minha vida e para o meu coração através de ‘West Side Story’ quando eu era um miúdo», referiu Gyllenhaal ao The Playlist. «Mas, só quando fiquei mais velho é que percebi a dimensão da sua contribuição e a enorme dívida da cultura americana para com ele. Como homem, era uma figura fascinante, repleto de geniosidade e contradição, e será uma honra contar a sua história juntamente com um amigo talentoso como o Cary», acrescentou.

O filme terá como título The American e o guião foi escrito por Michael Mitnick, baseado na biografia escrita por Humphrey Burton. Gyllenhaal irá funcionar igualmente como produtor e as filmagens ainda não têm data para começar.

Fukunaga prepara-se para ver a série da sua autoria, Maniac, estrear na Netflix, projeto que é protagonizado por Emma Stone e Jonah Hill, e Gyllenhaal encontra-se nas filmagens do próximo filme de Dan Gilroy, um thriller passado no mundo da arte.

Partilhar